O Canadá

1. QUEM SOMOS E COMO CONSEGUIMOS IMIGRAR PARA O CANADÁ.
2. A PRIMEIRA CIDADE QUE MORAMOS NO CANADÁ: BROCKVILLE, ONTARIO.
3. A SEGUNDA CIDADE QUE MORAMOS NO CANADÁ: AJAX, ONTARIO.
4. A TERCEIRA CIDADE QUE MORAMOS NO CANADÁ: OTTAWA, ONTARIO.

……………………………………………………………………………………….

LISTA COMPLETA DE TODOS OS POSTS SOBRE O NOSSO DIA-A-DIA NO CANADÁ:

……………………………………………………………………………………….

1. QUEM SOMOS E COMO CONSEGUIMOS IMIGRAR PARA O CANADÁ.
Nós imigramos para o Canadá em um processo chamado “Federal Skilled Worker” que consistiu basicamente em passar na prova de inglês (IELTS) comprovar educação (equivalência de diploma feita pela WES) e comprovar experiência de trabalho em uma das áreas aceitas pelo Canadá.

Em 2014 foi o último ano em que esse processo foi feito por ordem de chegada. Hoje em dia, as regras mudaram e eu não conheço muito do processo federal novo, mas o site oficial do governo sobre imigração é esse aqui: CIC.GC.CA.

Contratamos os advogados do CANADAVISA.COM para nos ajudar com o preenchimento e envio da documentação. Eles foram extremamente chatos e detalhistas, o que deu certo!

 

2. A PRIMEIRA CIDADE QUE MORAMOS NO CANADÁ: BROCKVILLE, ONTARIO.

Escolhemos Brockville por alguns motivos, o primeiro deles foi o custo de vida.

Como recém chegados ao país, sem conhecer uma viva alma, sem proposta de emprego e com duas crianças, nós ficamos com medo de ir para uma cidade grande como Toronto onde o custo de vida é bem alto.

Tentamos ir pra cidades como London ou Ottawa, mas precisaríamos pagar um ano de aluguel adiantado por não ter histórico de crédito no Canadá e em Brockville conseguiríamos pagar “apenas” 900 dólares por mês de aluguel com luz, água e aquecimento incluídos. Fomos pra lá!

Em Brockville nós conseguimos resolver a pé todas as questões iniciais como fazer o registro no “CPF” daqui, cartão de saúde, abrir conta em banco, etc… toda essa parte foi super fácil de resolver por lá, porque os lugares eram literalmente na esquina uns dos outros!

Outra coisa legal de Brockville (que tem 20 mil habitantes) é que todas as pessoas do prédio e da rua queriam participar da nossa vida. Foi a cidade em que nós tivemos mais amizades com pessoas diferentes.

Até poucos anos, Brockville era uma cidade muito promissora, com diversas empresas e muitos milionários. Um taxista fazia 80mil dólares por ano lá mas, quando nós chegamos, a cidade estava em outro momento e foi impossível conseguir emprego por lá, infelizmente.

Sim, a gente morre de saudades! <3

brockville

 

3. A SEGUNDA CIDADE QUE MORAMOS NO CANADÁ: AJAX, ONTARIO.

Eu nunca quis morar em Ajax, mas Ajax nos trouxe a Tathy e a Roberta que foram as primeiras amigas inseparáveis e pra vida inteira que o Canadá me deu!

Mesmo assim, no dia em que eu fui pra entrevista de emprego a minha mãe me ligou e perguntou: “Gostou da cidade, filha?” e eu respondi um sincero “mé…”!

Ajax não é uma cidade! Ajax é um bairro industrial. Brockville tinha a prefeitura com a praça, os prédios do centro e as casas na volta. Isso é uma cidade! O modelo de cidade de Ajax era muito, muito estranho pra mim, mas realmente existia uma trilha na beira d’água muito bonita por lá.

Enquanto em Brockville nós morávamos num apartamento duplex (simples pro padrão deles aqui) e pagávamos cerca de 900 dólares, em Ajax nós morávamos em um porão que custava cerca de 1200 dólares por mês.

O meu emprego ficava a 8min de carro da nossa casa OU a dois ônibus e um trem. Ajax é uma cidade desenhada pra se andar de carro e vários pontos de lá já me deixaram louca desde o primeiro dia.

 

Trabalhei por lá durante uns 5 meses e, pra ajudar, o trabalho era sem graça e as pessoas também. Ou seja: era hora de desistir de Ajax! Pedi demissão antes de acabar o período probatorio, em Agosto, e em Setembro fui contratada pra ir trabalhar em Ottawa!

Moramos em Ajax de Março a Outubro de 2016

 

4. A TERCEIRA CIDADE QUE MORAMOS NO CANADÁ: OTTAWA, ONTARIO.

Viemos pra Ottawa dia primeiro de Novembro de 2016.

Ottawa é a capital do Canadá e tem um centro maravilhoso! Aqui, a gente conseguiu mais estabilidade e finalmente passamos a morar em uma casa de verdade! As coisas pararam de ter cara de provisório!

Aqui tem IKEA (o que é muito importante pra mim, hahaha!), não é uma cidade muito grande nem muito pequena e pode ser extremamente entediante no subúrbio. Leia-se extremamente. Inclusive, ganhou o prêmio de lugar mais entediante do Canadá. Acho que o pessoal tá querendo importar uns bandidos do Brasil pra dar uma animada!

O custo de vida aqui é realmente bem mais alto que foi nos outros lugares, mas é bem mais barato que Toronto ou Vancouver, por exemplo, onde eu acho que seria praticamente impossível sustentar nós 4 só comigo trabalhando.

Aqui, a gente alugou uma casa maior por saber que o inverno seria rigoroso e assim as crianças teriam mais espaço pra brincar em casa. Fez toda a diferença! Não imagino como a gente teria passado o inverno inteiro encerrados no porão que morávamos em Ajax. TUDO em Ajax era errado! hahaha

Até agora, o maior problema de Ottawa (de Ontario como um todo), pra mim, é a demora pelo atendimento com médico especialista. Eu já contei em ALGUNS lugares que, por exemplo, faz mais de 1 ano que eu tento tirar um sinal e não consigo porque ele não é cancerígeno. Não adianta pagar, rezar, implorar… NADA! Meu chefe disse que normalmente o pessoal vai aos USA quando os médicos negam tratamento ou atitudes preventivas aqui. Isso não me agrada nem um pouco…

Continuo achando que Brockville foi uma boa opção pro começo, mas Ottawa com certeza, até agora foi o melhor lugar que já moramos por aqui!

6874723599_36a0d437e2_b
Moramos em Ottawa desde Novembro de 2016

Share This: