Visita a Guelph

Sair pelo Canadá e começar a entender o lugar onde estamos é uma tarefa árdua com duas crianças pequenas. Mesmo assim, nós partimos para visitar uma das cidades que nós pensamos em morar ao invés de Brockville quando viemos do Brasil.

Na verdade, antes de sair do Brasil consideramos fortemente 5 cidades desta região: Toronto, Ottawa, Guelph, London e finalmente Brockville – para onde fomos inicialmente.

Hoje, nós finalmente conseguimos visitar Guelph!

 

Ela não é pequena demais nem grande demais (114 mil habitantes) e os prédios de pedra passam aquela sensação de conforto e aconchego (apesar de alguns na rua principal precisarem de manutenção).

A temperatura por lá é bem mais amena que em Brockville – o que pra algumas pessoas é um ponto bom, mas pra mim é um ponto ruim.

A catedral, como manda o livro, fica no ponto mais alto da cidade e pode ser vista de praticamente todos os lugares do centro. Ela lembra muito as igrejas que eu visitava em Rio Grande e no momento em que eu pisei dentro dela, me senti automaticamente em casa. Foi o primeiro lugar que visitamos… depois de almoçar no Mac, claro!

IMG_4601

Do Mac, nós fomos a pé para a igreja por uma pequena rua que escondia uma escada.

Poder andar a pé pela cidade é um ponto bem positivo pra minha avaliação!

IMG_4669

 

IMG_4612

Sim, foi amor à primeira vista.

Quase morri de arrependimento por ter ido morar em Brockville já nos 35 primeiros segundos.

Brockville é uma cidade muito bonitinha e o nosso coração ficou partido quando saímos de lá (digo bonitinha MESMO – olhem as fotos nesse post aqui: “Não há lugar melhor que o lar” ) mas as oportunidades ali foram muito limitadas e acabou não sendo uma boa opção. Guelph tem a menor taxa de desemprego do Canadá, o que é um grande atrativo pra quem está imigrando.

Não tirei tantas fotos quanto normalmente tiraria porque tive que carregar a minha filha durante metade do passeio, mas deixo aqui o que eu consegui capturar.

Ah, uma nota importante: Todas as fotos do Google não conseguem passar a real sensação de estar na cidade. E provavelmente, as minhas também não conseguem.

Vista da porta da Igreja para o centro da cidade.
Vista da porta da Igreja para o centro da cidade.
O pátio da Igreja tem banquinhos e um mirante para o centro.
O pátio da Igreja tem banquinhos e um mirante para o centro.
Dentro da Catedral, um senhor tocava o órgão. Era uma cena de filme, com trilha sonora e tudo!
Dentro da Catedral, um senhor tocava o órgão. Era uma cena de filme, com trilha sonora e tudo!

IMG_4629

 

IMG_4630

Eu tirei uma foto desse prédio porque essa escada de incêndio era uma coisa que eu só tinha visto em filme!

IMG_4637

Essa galeria coberta eu também achei super interessante! Esse lugar deve ficar bem legal no inverno!

IMG_4643

IMG_4646

Sem palavras pra explicar esse lugarzinho. Quase precisei comprar um bolo.

IMG_4648

Essa é a rua que fica na frente da casa dos bolos. É uma rua bem simpática!

IMG_4649

Agora um detalhe:

OLHA o letreiro do cinema.

IMG_4650

Ao longo das ruas, eu encontrei bastantes lugares com produtos mais clássicos. Eu, particularmente adorei.

Dizem que Stratford (casa do Justin Bieber) é um lugar parecido mas bem mais voltado pra arte. Queríamos visitar hoje, mas essa visitinha de 2 horas a Guelph quase nos fez desmaiar! Eu acho que a visita vale a pena!

Indiscutivelmente, Guelph ganhou meu coração!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share This:

Leia Mais